• EN
  • LinkedIn
  • Facebook
Você está em: Início > Informações

Este programa foi uma experiência incrível pois aprendi muito tanto a nível académico, pessoal como profissional e que aconselho vivamente a todos os alunos.

Conheci a cultura de um novo país, pessoas novas, partilhei a experiência com outros Erasmus e conheci pessoas de todo o mundo onde aprendi uma nova língua (Russo).

Sem dúvida uma das melhores experiências da minha vida.

João Canelas - Gestao Hoteleira - Riga, Letónia



Processo de candidatura


 

A candidatura é apresentada no GRI, sendo da responsabilidade deste o acompanhamento do processo.

Só podem concorrer ao Programa estudantes a partir do 2º ano de frequência num dos cursos de Licenciatura ou Mestrado do ISAG.


 
Processo de avaliação e seleção dos candidatos

O processo de avaliação e seleção dos candidatos é da responsabilidade do Coordenador das Relações Internacionais, que devem assegurar a transparência, justiça, equidade e coerência no processo de atribuição de bolsas, competindo-lhes definir os critérios específicos a aplicar, de acordo com as recomendações da AN e tendo em conta os critérios gerais de seriação e seleção estabelecidos para todos os alunos do ISAG, designadamente:

   - Prioridade  aos alunos do 3° ano de cada curso e que tiverem maior número de ECTS (10%):

   - Média (mais elevada) do curso com base na informação disponível no Percurso Académico no Sigarra  (80%);

   - Alunos sem unidades curriculares (Ucs) em atraso (10%);

   - Conhecimento da língua do país de destino.

   - Motivação 


 
Reconhecimento e Validação de Unidades Curriculares
 
 

O reconhecimento e a validação das unidades curriculares efetuadas na Instituição de Acolhimento é da responsabilidade do Coordenador das Relações Internacionais, desde quem seja respeitado o contrato de estudos previamente definido entre o estudante, o ISAG e a IES de acolhimento. É da responsabilidade do aluno comunicar ao Coordenador das Relações Internacionais qualquer alteração ao plano de estudos que ocorra durante a sua estadia na Instituição de Acolhimento, remetendo o programa da nova unidade curricular e demais informação complementar.

O reconhecimento só pode ser considerado após a receção do Transcript of Records, emitido pela Instituição de Acolhimento. 



Obrigações do Estudante

 

O estudante selecionado para um período de estudos Erasmus, compromete-se a:

- Aceitar responsabilidade financeira por todas as suas despesas pessoais, incluindo despesas de alojamento;

- Providenciar o seu seguro de saúde;

- Cumprir as leis de imigração se aplicáveis no país de acolhimento;

- Tratar dos procedimentos necessários junto da embaixada/consulado do país de acolhimento para obtenção do visto de estudante (quando necessário);

- Comunicar ao GRI qualquer alteração ao Learning Agreement inicial no prazo máximo de 30 dias após o início do período de estudos;

- Comunicar ao GRI os seus contactos (e-mail, endereço postal, telefone) no país de acolhimento e informar de qualquer alteração que venha a ocorrer.                   


 
Documentos a entregar depois do regresso da mobilidade

 

Os estudantes logo após o seu regresso ao ISAG devem entregar no GRI os seguintes documentos:

- Declaração de estadia que confirme o período de estudos (data de chegada e partida) no estrangeiro, assinada e carimbada pela lES estrangeira;

- Certificado da Transcrição de Notas (Transcript of Records) emitido pela IES estrangeira;

- Testemunho sobre a experiência Erasmus para o GRI do ISAG. Estes testemunhos poderão ser divulgados publicamente;

- Relatório para a Agência Nacional PROALV.