• EN
  • Ajuda Contextual
  • LinkedIn
  • Facebook
Você está em: Início > Cursos > Unidades Curriculares > MGE2109

Sistemas de Planeamento e Controlo de Gestão

Código: MGE2109    Sigla: SPCG

Ocorrência: 2019/20 - 2S

Área de Ensino: Gestão

Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos Horas Contacto Horas Totais
MGE 30 Aviso nº 9883/2017 4 ECTS 39 107

Horas Efetivamente Lecionadas

Docência - Horas

Teórico-Práticas: 2,00
Orientação Tutorial: 0,60

Tipo Docente Turmas Horas
Teórico-Práticas Totais 1 2,00
Sandra Marie Evelyn Christiane Derom   2,00
Orientação Tutorial Totais 1 0,60
Sandra Marie Evelyn Christiane Derom   0,60

Docência - Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Sandra Marie Evelyn Christiane Derom Regente

Objectivos, Competências e Resultados de aprendizagem

Resumo descritivo da unidade curricular
A unidade curricular visa dotar os alunos com os principais conceitos de planeamento e controlo de gestão, com destaque para instrumentos tradicionais como o orçamento ou mais evoluídos como o Balanced Scorecard. É pretendido que seja apreendida a importância do planeamento e controlo de gestão tanto ao nível operacional como ao nível estratégico.

Objetivos e resultados esperados da aprendizagem
No final da unidade curricular, os alunos deverão estar aptos a:
Compreender a importância do planeamento e controlo de gestão;
Compreender a sequência orçamental;
Elaborar um orçamento a partir de planos previamente definidos;
Perceber a importância de analisar os diferentes desvios;
Perceber como desenvolver um Balanced Scorecard para uma organização.

Competências a desenvolver
Pretende-se desenvolver competências práticas ao nível da aplicação de um conjunto de metodologias necessárias ao desenvolvimento de um modelo de planeamento e controlo em diferentes contextos organizacionais. Para tal serão combinados conhecimentos teóricos com a realização de exercícios de índole prática.

Programa

1. As ideias chave dos sistemas de Controlo de Gestão
1.1. Natureza, justificação e enquadramento dos sistemas de controlo de gestão
1.2. Definições de Controlo de Gestão
1.3. Fases de evolução dos Sistemas de Controlo de Gestão

2. A Contabilidade como sistema de informação e de suporte ao Controlo de Gestão
2.1. Requisitos da Contabilidade para o Planeamento e Tomada de Decisão
2.2. A tomada de decisão - Abordagem dos custos relevantes. Custeio variável, custeio marginal
2.3. Apuramento de resultados: da lógica da absorção à lógica da contribuição
2.4. A teoria do C.V.R. Análise do Custo Volume Resultado
2.5. Da margem de Contribuição Residual ao E.V.A. (Economic Value Added
2.6. Os custos e a tomada de decisão: C.B.A. (Custeio Baseado nas Atividades)

3. Responsabilização pelos Resultados - Aspetos Comportamentais do Controlo de Gestão
3.1. Estrutura organizacional em centros de responsabilidade
3.2. Critérios de avaliação do desempenho
3.3. Preços de Transferência Internos (PTI)

4. A estratégia e o Controlo de Gestão - O processo de Controlo de Gestão
4.1. Do planeamento estratégico ao planeamento operacional
4.2. O Processo de Orçamentação - O Controlo Orçamental
4.3. Metodologia de apuramento dos Desvios Orçamentais
4.4. Sistemas de acompanhamento e Gestão da Perfomance: Tableau de Bord versus Balanced Scorecard
4.5. Balanced Scorecard e indicadores

Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objetivos da UC

O objetivo "compreender a importância do planeamento e controlo de gestão" é transversal aos vários capítulos da U.C.. No entanto, o Cap.1 enfatiza este aspeto; o objetivo "compreender a sequência orçamental" é tratado no capítulo 3, sendo o capítulo 2 necessário para lançar as bases de cálculo para a realização de um orçamento de produção. No entanto, para perceber esta sequência, é necessário ter em conta diversos conceitos relacionados com o planeamento e com o orçamento. Tal é focado neste mesmo capítulo. Consequentemente, pretende-se alcançar o objetivo de "elaborar um orçamento a partir de planos previamente definidos". O capítulo 3 foca ainda o controlo orçamental, tendo em conta o objetivo de "perceber a importância de analisar os diferentes desvios".
Por fim, o objetivo "perceber como desenvolver um Balanced Scorecard para uma organização" é desenvolvido no capítulo 4, no qual se faz, adicionalmente, uma breve abordagem ao conceito de Tableaux de Bord.

Bibliografia Principal

Jordan, H., Neves, J. C. D., & Rodrigues, J. A.;O controlo de gestão ao serviço da estratégia e dos gestores, Áreas Editora, 2015
Vieira, J., Ferreira, D., Vicente, C., Asseiceiro, J., & Caldeira, C.;Contabilidade de Gestão ¿ Estratégia de custos e de resultados, Reis dos Livros, 2014

Bibliografia Complementar

Caiado, A. C. P.;Contabilidade analítica e de gestão, Áreas Editora, 2015
Drury, C. M;Management and cost accounting, Springer, 2012
Kaplan, R. S., & Norton, D. P.;The balanced scorecard: translating strategy into action, Harvard Business Press, 1996
Morais, A., Lourença, I., Franco, V., Serrasqueiro, R., Oliveira, B.Jesus, M., Major, M., & Oliveira, A.;Contabilidade de Gestão Volume II - Orçamento anual e instrumentos de avaliação do desempenho organizacional, Publisher Team, 2006

Métodos de Ensino

O método adotado é teórico-prático, sendo que em primeiro lugar é efetuada a explanação teórica dos vários conceitos e metodologias a utilizar, os quais são, subsequentemente, postos em prática através da realização de exercícios/casos práticos exemplificativos. Desta forma, pretende-se desenvolver o sentido crítico acerca dos tópicos abordados. As exposições teóricas serão efetuadas com recurso a data show.


Modo de Avaliação

Avaliação distribuída com exame final

Componentes de Avaliação e Ocupação registadas

Descrição Tipo Tempo (horas) Data de Conclusão
Participação presencial (estimativa)  Aulas  30
Orientação tutorial  Participação Presencial  9
Momento de Avaliação Individual  Teste/Exame  3
Estudo autónomo  Estudo  65
  Total: 107

Avaliação Contínua

Testes escritos individuais: 2 (cada um com ponderação de 40%)

Fichas de trabalho: 2 (cada um com ponderação de 10% e inseridas na plataforma de e-learning)

Nos termos do Regulamento do curso:
a) A presença efetiva dos estudantes nas aulas será objeto de registo e, caso o número de faltas por estudante exceda 30% do número total de sessões de contacto previstas para cada unidade curricular, será automaticamente transferido para a avaliação final da época normal;

b) Nos testes escritos e nos elementos de avaliação definidos é necessária a obtenção da nota mínima de 7,5 valores;

c) Caso o estudante falte ou obtenha uma classificação inferior a 7,5 valores nos testes ou nos elementos de avaliação referidos no número anterior, será automaticamente transferido para a avaliação final da época normal;

d) Caso o estudante falte ou obtenha uma classificação inferior a 7,5 valores no segundo teste escrito (realizado na mesma data da prova escrita final da época normal) poderá requerer inscrição para avaliação na época de recurso;

e) Todos os trabalhos académicos escritos previstos na avaliação (relatórios, estudos de caso, etc.) terão de ser submetidos na base de dados Turnitin, disponível na plataforma E-Learning do ISAG, sendo aceitável uma taxa de similaridade até 30%.

Avaliação Final

Teste escrito individual com ponderação de 100% na nota final.

Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular

De forma a se atingirem os objetivos descritos anteriormente, as aulas englobam a apresentação de conteúdos teóricos onde se utiliza o programa Microsoft PowerPoint. Na aplicação dos conteúdos lecionados, são disponibilizados aos estudantes casos práticos e exercícios e em formato "PDF". Numa perspetiva prática, é incentivada a utilização do excel na realização de exercícios/casos sobre orçamentação.